O WhatsApp é uma das redes mais acessadas em todo o mundo. No Brasil, ele já um dos principais canais de comunicação entre as pessoas e vem sendo cada vez mais utilizado. O aplicativo, que permite um diálogo rápido, personalizado e a custo próximo de zero, já chama a atenção de empresas, que também começaram a usá-lo em suas estratégias de marketing digital.

As vantagens são muitas, tanto para as organizações quanto para os usuários. A ferramenta cria uma via de mão dupla para a comunicação e pode ser utilizada como uma plataforma moderna de SAC, um meio de divulgação de produtos ou serviços e um ótimo veículo de vendas.

Contudo, assim como em todos os outros canais, também é preciso pensar em estratégias para seu uso correto e eficaz no meio corporativo. Essa conversa precisa ser bem estruturada, com o mesmo cuidado aplicado nas demais ferramentas de marketing. 

Listamos aqui 7 ações importantes que podem ser adotadas para que sua empresa aproveite todos os benefícios do WhatsApp, com inteligência e sem risco de virar spam ou ser bloqueada pelo cliente. Confira! 

Verifique se seu cliente está disposto a receber suas mensagens

O aplicativo é bem interessante e traz uma praticidade e tanto. Porém, ele é muito pessoal e você precisa ter certeza de que não está sendo inconveniente — ou seja, você precisa saber se seu cliente está realmente disposto a se comunicar com sua empresa por meio dele. 

E como saber? Perguntando! Isso mesmo, apresente o canal aos seus contatos e crie enquetes, formulários e posts para sentir o retorno do público.

Tenha sempre em mente os pilares do marketing de permissão e não seja aquela empresa que fala nas horas erradas e não considera as preferências do cliente. Quando isso acontece, o efeito é contrário, gera resistência e um sentimento negativo em quem está sendo interrompido — um desgosto parecido com o de ver anúncios no meio dos vídeos ou panfletos no para-brisa do carro.

Faça um bom planejamento e defina as ações 

O uso do WhatsApp faz parte do composto de marketing, portanto deve ser planejado e organizado como todas as outras frentes de atuação. É indispensável entender o contexto em que essa comunicação se dará, o perfil dos clientes, suas expectativas, bem como o que será abordado nas mensagens. 

Então, organize bem as ideias, elabores ações coerentes com sua marca, use uma linguagem adequada e, claro, monte seu cronograma. 

Seja criativo no conteúdo

Encare o WhatsApp como mais um ponto de contato entre sua marca e o cliente. As mesmas boas práticas de produção de conteúdo para um site e redes sociais (como Facebook e LinkedIn) também valem para ele. 

Envie mensagens relevantes, que realmente entreguem algum valor ao consumidor. Pode ser uma promoção relâmpago, uma dica de uso do produto, a divulgação de uma novidade, um convite, enfim, opções não faltam! 

Use fotos, vídeos e emojis

A essência da linguagem da empresa — o chamado tom de voz — é sempre a mesma para todos os meios de comunicação da marca. A forma de expressar esse tom é que varia de acordo com as características da plataforma que será usada. 

No caso do WhatsApp, vídeos, fotos e emojis são muito comuns. Na verdade, são um dos principais recursos que as pessoas usam para se comunicar. Para confirmar, dê só uma olhada nas últimas mensagens que você mandou e recebeu pelo seu aplicativo. 

Esses formatos deixam a comunicação mais próxima do usuário e mais coerente com a ideia da plataforma. Abrem ainda um leque de alternativas para ser bem criativo e diferenciado da concorrência. 

Receba feedback dos clientes

Uma das principais potencialidades do WhatsApp é a rapidez de interação e de diálogo. Se antes o feedback do consumidor levava dias ou até meses para chegar à organização, agora leva minutos. 

Isso precisa ser bem gerenciado e usado a seu favor. A opinião dos clientes é a principal fonte de dados para as empresas, então não desperdice esse material riquíssimo que será gerado espontaneamente nas conversas. 

Atenda de forma rápida 

Essa rapidez no WhatsApp também é muito favorável para otimizar o trabalho dos setores da empresa que dialogam com os consumidores, como o SAC. E esse benefício tem dois lados: ao mesmo tempo que é mais prático, exige também que as respostas sejam ágeis.

O uso do aplicativo em detrimento de outros canais já pressupõe o interesse do cliente em ser atendido rapidamente. Diante disso, crie um sistema para operacionalizar esse retorno. Uma boa alternativa é programar uma primeira mensagem automática enquanto a equipe ganha tempo para buscar a resposta à solicitação. 

Organize bem esse fluxo de respostas para evitar longos períodos de espera. A ideia é simplificar, e não complicar. 

Programe envios periódicos 

Lembra-se de que anteriormente falamos da importância de um cronograma? Então, isso é para organizar suas ações e manter sempre o contato com o cliente

Ah, mas e se não há novidades, promoções ou divulgações? Envie conteúdos atemporais, perguntas, dicas ou informações institucionais a fim de manter uma conversa com o consumidor. 

É essencial conservar esse relacionamento vivo, para que a sua marca esteja sempre na memória do público e para que se crie o hábito da comunicação via WhatsApp. Não se esqueça de levar sempre em consideração a base das redes sociais: interação com o público. 

Como você pode ver, o aplicativo tem um grande potencial para contribuir com o marketing digital. E não é só para empresas voltadas a vendas e entretenimento, não. Ele é uma ótima ferramenta para setores como a indústria, o turismo e o agronegócio também. 

Usado de forma bem estruturada e integrada às outras estratégias de marketing, ele pode trazer um ótimo retorno aos seus negócios. Além de fortalecer o relacionamento com clientes já existentes, facilita a prospecção de novos consumidores. Isso tudo com um baixíssimo custo!

Que tal começar a montar seu planejamento agora considerando o uso do WhatsApp na sua empresa? Para acompanhar mais informações, curta a nossa página no Facebook!