O marketing é uma ferramenta muito importante na gestão do agronegócio. Muitas pessoas têm uma noção equivocada de que atividades do setor primário como a agricultura não precisam de investimento em marketing para alcançar sucesso. Mas, na verdade, se bem planejado, o marketing pode maximizar os resultados do agronegócio.

Com uma estratégia de marketing bem executada, a empresa consegue compreender melhor o mercado, quem sua demanda atende e como o que ela oferece pode ser melhor para os consumidores. E isso é relevante para todos envolvidos no setor, tanto produtores como fornecedores de insumos e máquinas agrícolas, por exemplo.

Neste artigo, explicaremos melhor a importância da comunicação e do marketing para a gestão do agronegócio. Boa leitura!

O planejamento de marketing no agronegócio

O marketing é muito mais que a simples promoção ou publicidade. O objetivo dessa área é conectar consumidores e empresas por meio dos seus produtos e serviços e, além da divulgação, é responsabilidade do marketing posicionar a empresa no mercado, compreendendo as demandas dos clientes e como elas podem ser atendidas.

No agronegócio, o planejamento do marketing é feito de forma similar ao de outros negócios dos setores secundário e terciário. Técnicas como a comunicação nas redes sociais, a produção de marketing de conteúdo e o endomarketing continuam sendo importantes para que a empresa tenha reconhecimento e interação com seus diversos públicos.

É interessante elaborar com detalhes quem são as pessoas para quais essa estratégia de marketing estará direcionada. Chamadas de personas, esses arquétipos de consumidores ajudarão a direcionar as ações e deixarão a comunicação bem mais efetiva e certeira.

Com o suporte delas, os responsáveis pelo marketing do agronegócio conseguirão determinar quais as melhores mídias e estratégias para que a marca e os seus produtos sejam reconhecidos como autoridade no setor.

As vantagens do marketing para a gestão do agronegócio

Reconhecimento da marca

A principal vantagem do investimento em marketing para o agronegócio é o reconhecimento da marca: quando qualquer empresa consegue se tornar referência naquilo que faz, ela também potencializa suas vendas e seu crescimento, seja ela uma produtora de soja ou uma fábrica de semeadoras e colheitadeiras.

A consequência direta disso será sentida no faturamento. Os gastos de uma empresa com marketing sempre devem ser enxergados como investimentos, e não apenas custos. E o fato de serem investimentos significa que vão gerar um retorno. O marketing, quando feito corretamente, sempre será acompanhado de bons resultados financeiros.

Melhor relacionamento com os clientes

O relacionamento próximo com os clientes também é uma vantagem do marketing para o agronegócio. Com interações constantes, a empresa não só aumenta a satisfação dos consumidores como também compreende melhor seus anseios e desejos, podendo, por exemplo, direcionar uma parte da produção para atender essas demandas.

Aumento do valor agregado

E por fim, o marketing gera mais valor para uma marca. E isso não quer dizer que os produtos da lavoura passam a pertencer a algum tipo de grife, mas sim que, aos olhos do consumidor, fará sentido pagar mais por um produto de uma marca reconhecida do que menos por algo igual de uma desconhecida.

Com uma marca mais forte, a percepção do cliente é que os produtos e serviços oferecidos por elas são mais confiáveis e seguros.

E agora que você já sabe como o marketing é importante para a gestão do agronegócio, que tal curtir nossa página no Facebook para ficar por dentro dos melhores conteúdos de marketing, design, branding e mídias sociais para esse setor? Não perca tempo!